Category: Futebol


26

Carris pondera nova carreira entre Benfica e Campo Grande.

Anúncios

O “clássico” dos “clássicos” joga-se hoje.

O FCP com (e sem) Givanildo

Porto com Givanildo: 13 pontos perdidos.
Porto sem Givanildo: 9 pontos perdidos.
Tudo o resto são tretas para enganar papalvos.

Liguilha

Os meses de suspensão impostos pela Comissão Disciplinar da Liga, por agressões a agentes não desportivos, efectuadas por Hulk (doravante tratado pelo seu nome próprio) e Sapunaru já tinham parecido um pouco despropositadas e persecutórias.

A disparidade da decisão apresentada pelo recurso do FCP ao Conselho de Justiça da Federação, mostra que no futebol de consumo interno as tribos remam em sentidos distintos. Sobretudo, orgãos de justiça reguladores da mesma competição revelam uma leitura da lei tão distante e tão desfasada que só mostra que alguém anda a agir de má fé (se calhar andam todos).

Ainda assim, espero que não apareçam as teorias situacionistas e dos “ses” para justificar uma má época desportiva de uns e uma boa época desportiva de outros. Enveredando por esse caminho, convido à recordação dos 17 jogos efectuados pelo FCP na ausência de Givanildo. No campeonato perderam 9 pontos. Nada garante que os ganhassem com Givanildo em campo, tal como nada garante que não tivessem perdido pontos noutros jogos em que Givanildo abrilhantasse as partidas…

São as instâncias de justiça dos orgãos do futebol  a propiciar polémicas e suspeições incendiárias. Não é de admirar violência no futebol. Seguindo este caminho de descrédito, um dia, só os grunhos acéfalos se vão apresentar nos estádios.

Futebóis

Numa bonita cerimónia realizada esta tarde na cidade do Porto, a delegação de Olhão atribuiu a 3ª posição da Liga Sagres 2009/2010 ao Futebol Clube do Porto.

Olhar para baixo

Entretanto, atrás do LIDL do Campo Grande, uma equipa treinada por Carlos Carvalhal vulgarizou um pretenso candidato ao título.

Por vezes, o mundo é um lugar bem bonito…

Benfica vs Porto

Bancada: meo

Porta: 16

Piso: 3

Sector: 22

Fila: AG

Lugar 6

Com anginas e meio combalido pelo frio, há coisas que não se podem falhar.

Um dos maiores clássicos do Planeta Futebol.

Argentina en la cancha

Dediquei alguns minutos a ver o ajuntamento de moços de Queirós a jogar com esse colosso do futebol mundial que dá pelo nome de Bósnia e Herzegovina. Como me confrange a incompetência e a incapacidade para assumir cargos e tarefas, Queirós (ou Queiróz, depende das marés) não merece levar os moços ao mundial.

A melhor forma de não passar por vergonhas é ficar em casa.

PS: Mesmo que Queirós (ou Queiróz) desfrute de um megalómano ocaso probabilístico na próxima 4ª feira e consiga levar os moços ao Mundial, já defini o meu apoio para África do Sul 2010.

Zportém

scp

Belo dito zombeteiro sobre a escolha de um novo treinador para a agremiação que está por detrás do Lidl do Campo Grande.

“O homem que orienta o último classificado da Liga Sagres e iniciou a carreira no mês passado veio a revelar-se uma fantasia impossível para o clube leonino”

Ricardo Araújo Pereira

javi_garcia

Benfica 1- 0 Naval (Javi Garcia, 89′)

Fechando os assuntos da bola por hoje

Um dia vou ao Monumental ver um River-Boca.

monumental

P.S.: No seguimento de desejos quejandos; prezado Daniel temos uma ida a Los Angeles ao Staples Center por combinar.

33169

A imprensa cria fenómenos. Este rapaz aqui da foto acima é um desses fenómenos.

Vi a 2ª parte do Porto x Belém. Espero que continuem a colocar o moço a construir os ataques do Porto. Continuo a achar que a quantidade de bolas perdidas, os passes falhados e as péssimas opções de desmarcação não compensam as fulgurantes arrancadas e os espectaculares golos que aparecem esporadicamente. Mas isto sou eu, e não tenho pretensões de perceber de bola. Mas vou ficar à espera do que vai dizer o Francisco.

P.S. – No Porto mora o melhor ponta de lança do campeonato português. Chama-se Ernesto Farías. Talvez não seja titular mais vezes porque não foi “roubado” ao Benfica num dos mercados de transacções. Com isso podemos continuar a viver bem.

jorge jesus

Jorge, corre por aí que és Lagarto. Neste momento sei que és o mais benfiquista de todos nós.

Estou a gostar muito disto tudo. Tenho 30 anos. O melhor futebol que vi o Benfica jogar nestes 30 anos, tem sucedido nos últimos 3 meses.

Não sei se isto vai ser assim a toda a época. Acho que tu, Jorge, és o primeiro a achar que isto vai acabar mais cedo ou mais tarde. As tempestades de golos, a subjugação do adversário, a pressão altíssima, a velocidade de acção/reacção do Saviola, os sprints imparáveis do Di Maria, a defesa sólida e segura. Até o Cardozo, que não anda a jogar um chavo, meteste a melhor goleador das ligas europeias.

Mas Jorge, estás a criar-me um problema. No Sábado basta que marques menos de 5. Caso contrário, colocas-me com um problema capilar facial de alguma monta. Ainda me falta alguma densidade e comprimento mas mais umas 3 ou 4 jornadas a golear, e fico próximo de rivalizar com o “nosso” Barbas.

Um abraço deste teu amigo (que ficará satisfeito só com 0-3).

Silly Season

Saber escrever sobre futebol

Se era para jogar futebol não se percebe a renovação com Paulo Bento.