1102200802_f0402c4d57

Pelas 17:00 de hoje prevê-se que estaremos no momento mais alto da chuva anual das perseidas. (Embora até à meia noite haja boas hipóteses de avistamentos, visto que a lua só surgirá nos céus por essa hora.)

Em busca delas lá estarei, de olhos no céu.